Disponibilizada a consulta ao 2º lote de restituição do IRPF 2019

A Receita Federal abre nesta segunda-feira (08) a consulta sobre o pagamento do 2º lote de restituição do imposto de renda 2019, bem como a restituição de outros anos cujas declarações estavam na malha fina. A partir das 09h00 os contribuintes que têm direito à restituição do imposto de renda, poderão acessar o site da Receita Federal para consultar se vão receber a restituição neste mês. O pagamento será feito no dia 15 de julho para mais de 3 milhões de contribuintes.

Além dos contribuintes prioritários, isto é, idosos acima de 60 anos de idade e portadores de doenças graves ou deficiência física ou mental, também receberão a restituição neste lote os contribuintes que entregaram suas declarações no início do prazo, que foi de 7 de março a 30 de abril.

Os valores das restituições são corrigidos mensalmente pela taxa de juros Selic. Confira na tabela abaixo o percentual de correção e mais informações para cada exercício que será pago neste segundo lote de restituição do imposto de renda 2019:

Ano do Exercício Número de Contribuintes Valor (R$) Correção pela Selic
2019 3.073.780 4.719.368.091,66 2,01% (maio de 2019 a julho de 2019)
2018 35.687 124.132.587,86 8,17% (maio de 2018 a julho de 2019)
2017 24.999 74.962.648,17 16,00% (maio de 2017 a julho de 2019)
2016 15.439 50.113.446,65 28,72% (maio de 2016 a julho de 2019)
2015 8.659 24.411.794,49 41,79% (maio de 2015 a julho de 2019)
2014 4.490 4.475.565,27 52,71% (maio de 2014 a julho de 2019)
2013 542 1.009.112,48 61,61% (maio de 2013 a julho de 2019)
2012 271 632.406,15 68,86% (maio de 2012 a julho de 2019)
2011 150 315.431,69 79,61% (maio de 2011 a julho de 2019)
2010 96 267.967,35 89,76% (maio de 2010 a julho de 2019)
2009 74 193.929,43 98,22% (maio de 2009 a julho de 2019)
2008 42 117.018,80 119,29% (maio de 2008 a julho de 2019)


Leia Também

Como consultar a restituição do imposto de renda

Como imprimir a 2ª via do CPF

Como imprimir a certidão negativa da Receita Federal

Como fazer a declaração do MEI

Como saber se a declaração caiu na malha fina da Receita Federal

Qual a sua nota para este artigo?
Nota média: 5

Comentários