Governo Federal arrecada R$ 113 bilhões em maio

A arrecadação de tributos e outras receitas do Governo Federal no mês de maio foi de R$ 113,27 bilhões, segundo dados da Receita Federal. O valor representa um aumento real de 1,92% na comparação com o valor da arrecadação federal de maio de 2018. No período acumulado de janeiro a maio de 2019, a arrecadação federal foi de R$ 637,6 bilhões. Em termos reais, o valor é 1,28% superior ao registrado no mesmo período de 2018. A comparação é feita com base no Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA)

calculadora - arrecadação federal
A melhoria nos indicadores econômicos contribuiram para o aumento na arrecadação de tributos federais em maio de 2019. Foto: Brett Hondow/Pixabay

Aumento na arrecadação de tributos federais

Segundo técnicos da Receita Federal, o aumento na arrecadação de tributos federais em 2019 reflete uma tendência de recuperação na economia que vem ocorrendo desde o final de 2017.

A arrecadação de tributos está diretamente ligada a indicadores econômicos, como a produção industrial, a massa salarial, o valor em dólar das importações e as vendas de bens e serviços. Com exceção da produção industrial, que vem diminuindo na comparação com o ano de 2018, todos os indicadores econômicos apresentaram variação positiva em abril, período de referência para recolhimento dos impostos de maio.

O principal destaque fica por conta do Imposto de Renda Retido na fonte sobre Rendimentos do Capital, cuja arrecadação em maio aumentou 23,47% em termos reais na comparação com maio de 2018. Outro destaque foi o aumento na arrecadação de impostos vinculados às importações, em decorrência da valorização do dólar nesse período.

Para ter acesso ao relatório completo da arrecadação federal em maio de 2019, clique aqui.

Leia Também

Haja imposto (e paciência)!

Como imprimir a 2ª via do CPF

Como imprimir a certidão negativa da Receita Federal

Declaração de Isenção do Imposto de Renda

Como a reforma tributária pode diminuir a desigualdade social no Brasil

Qual a sua nota para este artigo?
Nota média: 5

Comentários